Matérias sobre Gravidez

Lingeries para a gravidez e o pós-parto
Gravidez exige cuidados com estresse, alimentação e vacinas
Testes que indicam período fértil podem ajudar mulheres que querem engravidar
Dicas de Como Manter Seu Estilo Antenado Mesmo Durante a Gravidez
Como Escolher o Berçário
25 perguntas e respostas sobre o bebê
Lingeries para a gravidez e o pós-parto
40 Dicas Importante e Úteis para os Papais de Primeira Viagem
Sintomas do trabalho de parto
Cuidados para Evitar a Toxoplasmose na Gravidez
Dicas para Mães de Primeira Gravidez = Antes, Durante e Depois do Parto
Ganhar peso na gravidez, não significa engordar
Dicas básicas de amamentação
9 Dicas para dormir melhor durante sua gravidez
15 respostas para mulheres que tiveram parto cesariano
Cordão umbilical: vale a pena guardar?
Alimentação X Fertilidade
Endometriose
Mortalidade Materna
Riscos da Hipertensão na Gravidez X Eclâmpsia e DHEG (Doença Hipertensiva Especifica da Gravidez)
Gravidez Tardia & Técnicas de Reprodução Assistida
A Importância da Escolha do Sapato e Cuidados com os Pés Durante a Gravidez
Exame Pre-Natal diagnostica Anomalias fetais com mais de 90% de Precisão
Uso de Cosméticos em Gestantes Exige Cuidados
Academias de Ginásticas e Programas Específicos para Grávidas
Acerte na Cor da sua Roupa de Grávida para o Reveillon
Antecipando Algumas Surpresas e Contando 19 Coisas que Provavelmente Você Só Descobriria Durante a Gravidez
Atividades Fisicas para Gestantes
Tudo que você precisa saber dos 13 Principais Mitos sobre Amamentação
50 motivos para evitar uma cesárea desnecessária
Como Evitar ou Tratar das Estrias Durante a sua Gravidez
Detalhes da Evolução do Feto e da sua Gravidez Semana a Semana
Escolha do sexo do bebê
Medidas Fetais = Peso e Tamanho do Bebê na sua Barriga
Shantala
Direitos da gestante
Signos X Personalidade de seu Bebê
Tabela de Vacinação do Bebê
Dicas sobre Amamentação
Posições para Amamentar com Mais Conforto
Como Preparar os Seios Para a Amamentação
Resposta para Dúvidas Comuns sobre Amamentação
Vantagens da Amamentação
Direitos da Gestante
Respostas para 16 Perguntas e Dúvidas Comuns de Grávidas sobre os Direitos das Grávidas
Dez Direitos da Gestante promulgados pela Organização Mundial de Saúde
Dicas de uma Especialista em Medicina Esportiva e Nutrologia s/ Atividade Física na Gravidez
Exercícios Posturais para Gestantes
Exercícios, Ginástica, Natação durante a Gravidez
Exames durante a Gravidez
Gravidez Tardia
Veja se você está preparada para ser mãe mesmo depois dos 35 anos?
Gravidez Depois dos 35 Anos
Nervos À Flor da Pele
Dicas de uma Fisioterapeuta sobre Gravidez e Mudanças no Corpo da Gestante
Orações para Grávidas & Nossa Senhora do Bom Parto
Dicas de uma Nutricionista s/ Alimentação na Gravidez
Gestantes e Suplementação de Ômega 3: importante ou não?
De Olho na Balança + Calcule seu Índice de Massa Corporal (IMC)
Dicas do que fazer para melhorar e garantir o desenvolvimento do bebê em termos de sua alimentação
25 Dicas de Como não Engordar Muito Durante a Gravidez
Peixes na Gravidez
O Pomar Ideal da Gravidez
Principais nutrientes de que você e seu nenê necessitam durante a gestação
Informações Úteis sobre a Alimentação da Grávida
Alimentos priorizados durante a gestação
O Estresse Atrapalha
Infertilidade & Técnicas para Ajudar a Engravidar
10 Sinais de que Você Pode Estar Grávida
É Possível Escolher o Sexo do Bebê?
Dicas de Como Engravidar
Check List Completo de Tudo O Que Precisa Fazer para Organizar um Chá de Bebê e/ou Fraldas
15 Brincadeiras para Você Fazer no seu Chá de Bebê e/ou Fraldas
Dicas de Como Organizar um Chá de Bebe Bem Legal e Animado
Sintomas Normais da Gravidez + Dicas Úteis sobre Cada uma
11 Perguntas e Frases que Mais Vai Ouvir Durante Toda a sua Gravidez
Respostas para 45 Perguntas e Dúvidas Comuns de Grávidas sobre o Parto
5 Maneiras de Acalmar a Ansiedade da Grávida
Respostas para 15 Perguntas e Dúvidas Comuns de Grávidas sobre a Gravidez
Como Solucionar os Enjoos durante a Gravidez
Informações Úteis sobre a Alimentação da Grávida

A alimentação correta durante a gravidez possibilitará à gestante manter se bom estado de saúde e o desenvolvimento normal do bebê.

A gestante deve fazer várias refeições durante o dia, pois havendo alimentos no estômago, diminuem as possibilidades de náuseas, vômitos e azia. Essas refeições podem ser divididas em 6 (seis), distribuídas assim:

1) Café da manhã.
2) Fruta (no meio da manhã).
3) Almoço.
4) Lanche da tarde.
5) Jantar.
6) Lanche noturno.

Você deve tentar incluir diariamente (em pelo menos uma das refeições maiores: almoço ou jantar):

- carne magra (de boi, frango ou peixe).
- Na falta da carne, o ovo é um bom substituto, devendo ser consumido, no máximo, 3 vezes por semana.
- Incluir diariamente legumes, verduras (cruas ou cozidas) e frutas.
- Nos lanches da tarde e noite, tomar leite desnatado ( ou tipo O ), café ou chá, pão ou bolacha salgada com moderação.
- Incluir, por serem alimentos bons, miúdos de frango ou boi, como fígado, coração, moela, língua, dobradinha, miolo, etc. Comer pelo menos uma vez por semana.

Lembrande de que durante sua gravidez deve evitar (ou diminuir) o consumo de:

- Frituras, doces e refrigerantes.
- Refeições muito temperadas.
- Temperos picantes (pimentas, etc.).
- Sal, para prevenir a pressão alta os riscos de pré-eclâmpsia e eclâmpsia.

E ainda a gestante deve comer com moderação:

- batata, batata doce, mandioca, mandioquinha, inhame, cará, farinha de mandioca, farinha de milho, fubá, macarrão, ervilha, grão de bico. Quando comer qualquer um desses alimentos, deverá diminuir ou eliminar o arroz e o feijão.

Não se esqueça de:

- Comer por dois leva você a engordar e pode prejudicar o seu bebê e dificultar o parto.
- Na gestação não há proibições quanto ao consumo de qualquer tipo de frutas, legumes e verduras.
- É bom tomar, entre as refeições, grande quantidade de líquidos sob a forma de sucos e água.
- Algumas cascas de legumes, folhas de beterraba, cenoura, couve flor, rabanetes e brócolis são alimentos que podem ser consumidos refogados ou ensopados. Tem grande valor nutritivo por conter vitaminas e minerais como o ferro, além de facilitar o funcionamento dos intestinos.
- As frutas devem ser comidas com casca e um pouco de semente (mamão, maracujá, pêra, maçã, etc.), pois também facilitam o funcionamento dos intestinos.
- Os cereais (aveia, milho, etc.) poderão ser utilizados na forma de mingau.
- O leite deve ser preferencialmente desnatado ou tipo C para evitar o excesso de gordura. Pode ser substituído por iogurte ou coalhada.
- Se você colocar algumas gotas de limão no feijão, ou tomar um pouco de suco de laranja ou limonada durante as refeições, seu organismo absorverá melhor o ferro.
- Substitua frituras e preparações à milanesa por assados, grelhados e ensopados.
- Procure consumir pelo menos uma fonte de cálcio por dia. O cálcio pode ser encontrado principalmente no leite e seus derivados como: coalhada, iogurtes e queijo-fresco, por exemplo.
- Consuma pelo menos duas fontes de vitamina C por dia. As mais recomendadas são: laranja, limão, Kiwi, acerola, goiabada e carambola.
- Beba pelo menos de 6 a 8 copos de água por dia. Esta quantidade de água ingerida é muito importante para prevenir o aparecimento de edemas.
- Em casos de necessidade de dieta especial (gastrite, obesidade, anemia, etc.), procure orientação do médico ou da nutricionista, não siga o conselho de pessoas leigas.

Mas então deve estar se perguntando como é a dieta ideal para a gestante?

A dieta deve conter nutrientes básicos como proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas, minerais, água e fibras. As proteínas são os “tijolos” das células e carboidratos e gorduras são fontes de energia. As vitaminas e os minerais ( ferro, cálcio, zinco e cobre) mantém o equilíbrio químico do organismo.

Onde encontrar os nutrientes necessários?

- Proteínas: carnes, ovos, legumes e derivados, leguminosas (em menor quantidade) como o feijão, lentilha e ervilha.
- Carboidratos: açúcares, massas, arroz, batatas, mandioca.
- Gorduras: leite (integral), óleo, manteiga e margarina, carnes.
- Ferro: carnes (principalmente vermelhas e fígado), feijão, vagem ervilhas, folhas verdes.
- Cálcio: leite (derivados) e folhas verdes.
- Vitamina A: peixes, fígado, folhas verdes-escuras e vegetais alaranjados.
- Vitamina O: frutas cítricas (laranja, limão, caju, acerola) e folhas verdes.
- Vitamina D: leite e clara de ovo.
- Vitamina B1: carnes, cereais, feijão e levedura de cerveja.
- Vitamina 812: carnes (principalmente fígado), ovos e leite.
- Fibras: frutas, verduras e grãos.