Matérias sobre Gravidez

Lingeries para a gravidez e o pós-parto
Gravidez exige cuidados com estresse, alimentação e vacinas
Testes que indicam período fértil podem ajudar mulheres que querem engravidar
Dicas de Como Manter Seu Estilo Antenado Mesmo Durante a Gravidez
Como Escolher o Berçário
25 perguntas e respostas sobre o bebê
Lingeries para a gravidez e o pós-parto
40 Dicas Importante e Úteis para os Papais de Primeira Viagem
Sintomas do trabalho de parto
Cuidados para Evitar a Toxoplasmose na Gravidez
Dicas para Mães de Primeira Gravidez = Antes, Durante e Depois do Parto
Ganhar peso na gravidez, não significa engordar
Dicas básicas de amamentação
9 Dicas para dormir melhor durante sua gravidez
15 respostas para mulheres que tiveram parto cesariano
Cordão umbilical: vale a pena guardar?
Alimentação X Fertilidade
Endometriose
Mortalidade Materna
Riscos da Hipertensão na Gravidez X Eclâmpsia e DHEG (Doença Hipertensiva Especifica da Gravidez)
Gravidez Tardia & Técnicas de Reprodução Assistida
A Importância da Escolha do Sapato e Cuidados com os Pés Durante a Gravidez
Exame Pre-Natal diagnostica Anomalias fetais com mais de 90% de Precisão
Uso de Cosméticos em Gestantes Exige Cuidados
Academias de Ginásticas e Programas Específicos para Grávidas
Acerte na Cor da sua Roupa de Grávida para o Reveillon
Antecipando Algumas Surpresas e Contando 19 Coisas que Provavelmente Você Só Descobriria Durante a Gravidez
Atividades Fisicas para Gestantes
Tudo que você precisa saber dos 13 Principais Mitos sobre Amamentação
50 motivos para evitar uma cesárea desnecessária
Como Evitar ou Tratar das Estrias Durante a sua Gravidez
Detalhes da Evolução do Feto e da sua Gravidez Semana a Semana
Escolha do sexo do bebê
Medidas Fetais = Peso e Tamanho do Bebê na sua Barriga
Shantala
Direitos da gestante
Signos X Personalidade de seu Bebê
Tabela de Vacinação do Bebê
Dicas sobre Amamentação
Posições para Amamentar com Mais Conforto
Como Preparar os Seios Para a Amamentação
Resposta para Dúvidas Comuns sobre Amamentação
Vantagens da Amamentação
Direitos da Gestante
Respostas para 16 Perguntas e Dúvidas Comuns de Grávidas sobre os Direitos das Grávidas
Dez Direitos da Gestante promulgados pela Organização Mundial de Saúde
Dicas de uma Especialista em Medicina Esportiva e Nutrologia s/ Atividade Física na Gravidez
Exercícios Posturais para Gestantes
Exercícios, Ginástica, Natação durante a Gravidez
Exames durante a Gravidez
Gravidez Tardia
Veja se você está preparada para ser mãe mesmo depois dos 35 anos?
Gravidez Depois dos 35 Anos
Nervos À Flor da Pele
Dicas de uma Fisioterapeuta sobre Gravidez e Mudanças no Corpo da Gestante
Orações para Grávidas & Nossa Senhora do Bom Parto
Dicas de uma Nutricionista s/ Alimentação na Gravidez
Gestantes e Suplementação de Ômega 3: importante ou não?
De Olho na Balança + Calcule seu Índice de Massa Corporal (IMC)
Dicas do que fazer para melhorar e garantir o desenvolvimento do bebê em termos de sua alimentação
25 Dicas de Como não Engordar Muito Durante a Gravidez
Peixes na Gravidez
O Pomar Ideal da Gravidez
Principais nutrientes de que você e seu nenê necessitam durante a gestação
Informações Úteis sobre a Alimentação da Grávida
Alimentos priorizados durante a gestação
O Estresse Atrapalha
Infertilidade & Técnicas para Ajudar a Engravidar
10 Sinais de que Você Pode Estar Grávida
É Possível Escolher o Sexo do Bebê?
Dicas de Como Engravidar
Check List Completo de Tudo O Que Precisa Fazer para Organizar um Chá de Bebê e/ou Fraldas
15 Brincadeiras para Você Fazer no seu Chá de Bebê e/ou Fraldas
Dicas de Como Organizar um Chá de Bebe Bem Legal e Animado
Sintomas Normais da Gravidez + Dicas Úteis sobre Cada uma
11 Perguntas e Frases que Mais Vai Ouvir Durante Toda a sua Gravidez
Respostas para 45 Perguntas e Dúvidas Comuns de Grávidas sobre o Parto
5 Maneiras de Acalmar a Ansiedade da Grávida
Respostas para 15 Perguntas e Dúvidas Comuns de Grávidas sobre a Gravidez
Como Solucionar os Enjoos durante a Gravidez
Peixes na Gravidez

Peixes e mariscos são importantes fontes de proteínas, minerais, vitaminas e nutrientes essenciais à gravidez.Aprenda um pouco mais sobre estes alimentos e tire o máximo proveito deles

Por Isis Cerchiari

Gravidez é época de se alimentar bem: frutas, verduras, legumes, grãos, carnes magras e, claro, peixes e frutos do mar. Salmão, bacalhau, truta, camarão, mexilhões, ostras - conhecidos como pescados - são uma saborosa e saudável opção ao tradicional franguinho grelhado, especialmente na temporada de praia, quando tomam conta das cozinhas. O interessante é que, além de deliciosas, estas iguarias fazem muito bem à saúde. Sua composição é rica em proteínas e pobre em calorias e gorduras. Além disso são poderosas fontes de nutrientes, vitaminas e minerais. Não é à toa que médicos e nutricionistas recomendam o consumo de pelo menos três porções por semana. "A gestante, entretanto, deve comer no máximo duas refeições neste período, especialmente se forem fritos ou acompanhados de óleo, pois assim eles ficam mais calóricos", alerta Márcia Regina Dal Medico, nutricionista do Spa Jardim da Serra, em São Pedro, SP.

Gordurinha do bem

Os pescados são ricos em Ômega 3, uma gordura poliinsaturada que aumenta o nível de colesterol bom e combate o ruim. Também presente no azeite e nas oleaginosas como castanhas, nozes e soja, ela previne o desenvolvimento de doenças cardíacas pois contém uma substância de ação antiinflamatória que impede a formação de coágulos, evitando infartos e derrames. "O Ômega 3 é um ácido graxo essencial, porém nosso organismo não o produz. Por isso, consumir peixes e frutos do mar periodicamente é uma ótima maneira de garantir esta gordura", diz o nutrólogo e homeopata Edson Velardi Credidio, também diretor da Associação Brasileira de Nutrologia, de Campinas (SP). Estudos científicos apontam que o consumo da substância durante a gestação auxilia na estimulação do crescimento do feto. Isto porque teria relação com o aumento da circulação sangüínea da placenta, fazendo com que o bebê receba mais nutrientes.

Pratos vitaminados

Estes alimentos são ricos em vitaminas do complexo B que mantêm a saúde dos nervos, olhos, pele, cabelos, fígado, boca e a tonicidade muscular do aparelho gastrointestinal. Peixes mais gordurosos, como o salmão, têm vitaminas A, D e K em abundância. A primeira estimula a cicatrização, melhora a imunidade e atua como antioxidante. Avitamina D é essencial para o metabolismo ósseo, melhora a hidratação da pele, das mucosas e evita a osteoporose. E a K previne o câncer e ajuda na formação óssea. Além disso, são ótimas fontes de cálcio, iodo, magnésio, fósforo, ferro e potássio - minerais essenciais para a formação do feto.

Entre peixes e mariscos

Antes de encher o carrinho de compras com os pescados, conheça as diferenças entre eles. Os peixes são classificados em dois grupos: os de carne clara e pouco gordurosa, como pargo, corvina, bacalhau, badejo, garoupa, linguado, robalo, carpa, dourado, e os de carne escura e com mais gordura como atum, sardinha, bagre, anchova, arenque, cavala e salmão. Já os mariscos dividem- se em crustáceos, que possuem uma carapaça dura e avermelhada, como camarão, lagosta e caranguejo e em moluscos, pequenos animais cartilaginosos que podem ter conchas ou não, como mexilhões, ostras, sururus, lulas e polvos. Os mariscos, assim como os peixes, são ricos em nutrientes. Avantagem deles, porém, é possuirem ainda menos gorduras e calorias.

De olhos bem abertos
Alguns alimentos podem causar alergia e os pescados não fogem dessa possibilidade. Como na gestação o sistema imunológico fica mais sensível, há maior risco de desencadear o problema, mesmo em quem nunca apresentou quadro anteriormente. "Os sintomas vão desde uma coceira até o fechamento da glote", afirma Credidio.

Não existe exame que detecte futuras reações alérgicas. No entanto, há como identificar os alimentos que já causaram sintomas. "Para saber quais, basta procurar um dermatologista ou um alergista, que pedirão exames específicos. Assim, é possível listar determinados alimentos durante a gestação", recomenda Anamaria Facina, dermatologista da Unifesp.

De olhos bem abertos

Alguns alimentos podem causar alergia e os pescados não fogem dessa possibilidade. Como na gestação o sistema imunológico fica mais sensível, há maior risco de desencadear o problema, mesmo em quem nunca apresentou quadro anteriormente. "Os sintomas vão desde uma coceira até o fechamento da glote", afirma Credidio. Não existe exame que detecte futuras reações alérgicas. No entanto, há como identificar os alimentos que já causaram sintomas. "Para saber quais, basta procurar um dermatologista ou um alergista, que pedirão exames específicos. Assim, é possível listar determinados alimentos durante a gestação", recomenda Anamaria Facina, dermatologista da Unifesp.

Fonte: Revista Meu Nene.